terça-feira, dezembro 02, 2008

Não sei se a saudade de qualquer coisa que já fui me inviabilizou para sempre.

3 comentários:

paperdoll disse...

quando muito, ensinou-te qualquer coisa. *

Silva disse...

Por acaso, não são poucos os dias em que acho o mesmo... Infelizmente, e mesmo daquelas coisas que não há muito que uma pessoa possa fazer para superar...

Isobel disse...

paperdoll, penso que sim :)

Silva, acho que só mesmo aceitar esta parte de nós..